Formatura Ensino Médio

Mais uma etapa concluída! Ao mesmo tempo que vem o alívio, a saudade faz questão de acompanhar…e que saudade!

Apesar das dificuldades (e dos diversos contratempos no meio do caminho), posso dizer que foram anos INCRÍVEIS em que tive a oportunidade de conhecer pessoas que, literalmente, mudaram minha vida.

Gratidão é tudo o que posso sentir agora, seria ótimo se tivesse aqueles botões de replay para viver tudo de novo, mas não é bem assim que funciona, infelizmente. O que resta agora são as lembranças e o carinho por cada um que fez desses meus anos os mais especiais possível (levarei sempre no coração

img_3769

E ao 3ºD?! Aqui vai o meu discurso para a sala, acredito que define bastante quem nos tornamos nesse tempo de convívio:

A vocês, 3º Dangers, finalmente chegou o dia esperado! Expressar um sentimento tão ímpar é difícil, ainda mais se tratando de uma sala tão singular como a nossa. Mas, se pudesse resumir em poucas palavras, certamente essas seriam: conquista, família, luz e, principalmente, amor.

Desde o começo, lutamos pela nossa união e fizemos história para conquistar nosso espaço. Afinal, como poderia uma família ficar separada?! Pois é isso que nós nos tornamos: família. Não há outra explicação para pessoas tão diferentes, com histórias e características distintas, se unirem e criarem uma conexão tão profunda. Nos momentos felizes, estávamos juntos e quando as coisas se complicavam, sempre nos mostramos um porto seguro para quem precisava. Sabíamos que poderíamos levar o que quer que fosse para a sala, pois o que nos aguardava era sempre confiança e compreensão. Sentimos na pele o que é dito em Provérbios 17:17 “O amigo ama em todos os momentos; é um irmão na adversidade.” Além do mais, fomos uma sala que refletia luz. Independente de qualquer coisa, acordar cedo era até prazeroso, porque sabíamos que logo estaríamos juntos, e ali na sala, a tristeza não tinha vez, não fazia parte da nossa essência.

Acima de tudo isso, nos sobreveio o amor – os dias do abraço que o digam. Fomos amor mais do que tudo. Às vezes, até mais do que as notas, mas como está escrito em I Coríntios 13:7 “O amor tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. ” Pode ter sido um caminho árduo até aqui, mas estávamos sempre unidos, e isso bastava, nosso amor bastava. E dessa maneira, chegamos ao fim.

Assim como vivemos na sala, peço que todas as coisas boas não se limitem só ao 3ºD, mas que vocês levem essa essência para onde quer que forem. Lutem com muita garra e determinação por aquilo em que acreditam. Mantenham-se acompanhados de pessoas de bom coração, sejam luz para quem precisa e que o amor seja a motivação sempre presente na vida de vocês.

Por último, deixo aqui uma frase do Augusto Cury: “Os sonhos não determinam o lugar onde vocês vão chegar, mas produzem a força necessária para tirá-los do lugar em que vocês estão. Sonhem com as estrelas para que vocês possam pisar pelo menos na Lua. Sonhem com a Lua para que vocês possam pisar pelo menos nos altos montes. Sonhem com os altos montes para que vocês possam ter dignidade quando atravessarem os vales das perdas e das frustrações. ”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s